Logotipo XV CONGRESSO BRASILEIRO DE ATEROSCLEROSE

Secretaria Executiva

SD Eventos

(11) 3672-6979

Departamento de Aterosclerose

Alameda Santos, 705 – 11º andar, Cerqueira Cesar/SP
(11) 3411-5531

Tema Livre

TRABALHOS APROVADOS > RESUMO

VO₂ máximo, parâmetros antropométricos e perfil nutricional de atletas de alto desempenho

CÉLIA R O BITTENCOURT, MARIA C O IZAR, CAROLINA N FRANÇA, HENRIQUE A R FONSECA, CELMA M MARTINS , FRANCISCO A H FONSECA.
UNIFESP - Univers. Federal de São Paulo - São Paulo - SP - Brasil

Introdução: atletas de alto desempenho apresentam baixo Ìndice de massa corpórea(IMC), baixo percentual de massa gorda(MG) e alto percentual de massa magra (MM). Objetivos:determinar em atletas profissionais de maratona e meia-maratona as principais correlações antropométricas com VO máximo, bem como o perfil alimentar de macro e micronutrientes à despeito da alta carga de exercícios. Métodos: Foram avaliados 33 atletas de ambos os sexos (19 homens) com mediana de idade (32 anos). Foi realizado teste ergoespirométrico em esteira especial para atletas de alto desempenho (até 25 km/h) e os dados de composição corporal por bioimpedância. Para avaliação do consumo alimentar foi utilizado os métodos retrospectivos como Recordatório de 24h e questionário de freqüência alimentar.Resultados: VO máximo apresentou correlação com parâmetros antropométricos e de bioimpedância, sendo as maiores correlações obtidas para o % de massa magra (MM) (0.945) e inversa com o de massa gorda% (MG) (-0,945). As principais correlações obtidas para os homens foram a circunferência abdominal (0,90) e peso de MM (0,910). Para as mulheres os principais parâmetros foram o %MM, % gordura e o peso de MG. O perfil alimentar apresentou deficiência de alguns micronutrientes (Vit D,E, Folato, Ca,I,K,Na), porém consumo elevado de outros micro (Vit A,B,P,Fe,Se) e macronutrientes (carboidrato e proteína). Conclusão: corredores profissionais de maratona e meia-maratona possuem sua composição corporal estreitamente relacionada ao seu desempenho físico, porém há necessidade de elaboração de planos alimentares que contemplem proporções adequadas de macro e micronutrientes, ajustando-as à carga de exercícios e às recomendações nutricionais para idade e gênero.

XV CONGRESSO BRASILEIRO DE ATEROSCLEROSE

18 e 19 de agosto de 2017

Realização

Departamento de Aterosclerose
SOLAT

Apoio

SBC

Secretaria Executiva

SD Eventos

Agência Web

Inteligência Web